Dezirée & Lucca Forever

segunda-feira, dezembro 26

Que seja eterno enquanto dure...Roberto Carlos & Vinícius de Moraes


Roberto Carlos ontem foi mais uma vez único.
Suas músicas são eternas porque conseguem nos fazer viajar no tempo em grandes ou simples histórias de amor. Especialmente ontem ele deu um toque especial a uma de suas grandes canções.
Em "Eu sei que vou te amar" música que fala de um amor inesquecível e insubstituível, ele recita Vinícius de Moraes em “Soneto de Fidelidade”. 
Ao fazer essa linda mistura, ele retira todo peso contido em uma declaração de amor para toda a eternidade dando a ela através do "Eterno enquanto dure" a possibilidade, não apenas de renovação, mas de uma conquista diária.
Canções de amor são sempre tão embasadas à sofrimentos e perdas. Falar de amor enquanto renovação da vida e por isso mesmo da alegria, dos momentos felizes e da clara incerteza do que virá, é ao meu ver, mais possível.
Assim deveria ser pensado e vivido o amor, sem prisões, necessidades, dores ou rancor. Vinícius de Moraes ao escrever “Soneto de Fidelidade” em 1939, já deixa claro que a fidelidade existirá, enquanto existir o amor, mas não esse amor que espera e depende, esse terá sempre o viés do sofrimento ao ser vivido e o ressentimento ao terminar. “De tudo ao meu amor serei atento, antes e com tal zelo e sempre e tanto, que mesmo em face do meu maior encanto, dele se encante mais meu pensamento...” possibilita a todos entender que não é preciso estar perto e sim do lado de dentro...

Fênix Forever

2 comentários:

  1. Ele é tuudo de bom, mesmo! Toca no fundo do meu coração...

    Beeijos, linda! =)

    Cáhh Chaves.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget