Dezirée & Lucca Forever

segunda-feira, agosto 22

Fizeram a gente acreditar... John Lennon

Algumas pessoas realmente são eternas, elas nascem com algum tipo de diferencial, como se algo a mais brilhasse a partir delas... Tem-se como exemplo John Lennon. Como sua música e sensibilidade tocaram eternamente o coração de milhares de pessoas em variadas gerações...Ele possuía esse brilho que falei anteriormente e tinha uma forma de expressar sua crença no mundo e nos seres humanos, admirável.

Acreditava sobretudo na liberdade do individuo como um meio de transcender as normas impostas pela hipocrisia social. Embora muitos se chocassem com suas manifestações de amor, acredito que ele queria apenas chamar atenção para a alegria, a vida, a liberdade de se vivenciar o amor, seja familiar, carnal, social. Conheço muita gente que mantém ainda em seu interior prisões sem muros de seus sonhos, desejos,devaneios. Se sentem-se felizes assim, tudo bem, mas particularmente não creio que qualquer atitude derivada da palavra "repressão" faça bem, sem tentar fazer "analogias"...

Compartilho essas maravilhosas palavras escritas por Lennon que retratam bem a minha fala, leiam, reflitam e vivam!

Fênix Forever

"Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram pra nós que amor não é acionado, nem chega com hora marcada.

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é a metade de uma laranja, e que a vida só ganha sentido quando encontramos a outra metade.
Não contaram que já nascemos inteiros, que ninguém em nossa vida merece carregar nas costas responsabilidade de completar o que nos falta: a gente cresce através da gente mesmo. Se estivermos em boa companhia, é só mais agradável.
Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um": duas pessoas pensando igual, agindo igual, que era isso que funcionava.

Não nos contaram que isso tem nome: anulação. Que só sendo indivíduos com personalidade própria é que poderemos ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório e que desejos fora de hora devem ser reprimidos.
Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados, que os que transam pouco são caretas, que os que transam muito não são confiáveis, e que sempre haverá um chinelo velho para um pé torto. Só não disseram que existe muito mais cabeça torta do que pé torto.
Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz, a mesma para todos, e os que escapam dela estão condenados à marginalidade. Não nos contaram que estas fórmulas dão errado, frustram as pessoas, são alienantes, e que podemos tentar outras alternativas.

Ah, também não contaram que ninguém vai contar isso tudo pra gente. Cada um vai ter que descobrir sozinho. E aí, quando você estiver muito apaixonado por você mesmo, vai poder ser muito feliz e se apaixonar."

John Lennon


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget