Dezirée & Lucca Forever

sábado, julho 9

Trocando a mentira pelo exercício da escolha...

Já na infância aprendemos a mentir. Nessa fase enquanto criança começamos a descobrir que é possível criar ou transformar algo real, para o total desespero de nossos pais...

Vamos crescendo e no caminho aperfeiçoamos cada vez mais essa aptidão tão desvalorizada socialmente. Para encobri-las inventamos desculpas como “Ah uma mentirinha só não faz mal...”, “Só minto quando é necessário...”, “tudo bem mentir, quando não se prejudica ninguém...” e o que acontece é que acostumamo-nos com a mentira como se ela fosse parte de todos nós. Existem até aqueles experts na mentira.

Sei que viver sem contar nenhuma mentira é quase impossível, mas não deixa de ser um exercício saudável. Mentir ou enganar pessoas que se aproximam de nós, por capricho ou pura maldade é uma lástima.

Considero que a sociedade hoje está bem melhor preparada para comportar as verdades que envolvem nossas vidas, porque as pessoas estão mais seguras de ser quem são. Muitas vezes as verdades são utilizadas até para ferir alguém, por isso você que tem levado a vida tentando retirar das pessoas boas que cruzam seu caminho o pouco que ainda lhes resta de crença na verdade, na ética e no respeito, procure fazer isso de maneira clara. Diga a verdade sobre o que pretende e dê ao outro a possibilidade da escolha. Isso se chama dignidade. 

Fênix Forever


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget